Eu me sinto preso

Eu me sinto preso, impossibilitado de fazer o que realmente quero, correntes invisíveis me prendem aqui nesse lugar. Correntes que a minha própria mente criou e que não consigo quebrá-las tão facilmente como dizem.

Estou num trabalho que não gosto e só continuo aqui por conta do dinheiro e das contas que tenho que pagar. Atravesso a cidade todos os dias para passar nervoso no transporte público que não funciona, levar esporro do chefe, ficar até mais tarde, não receber um simples reconhecimento, ir para a faculdade, estudar como nunca e mesmo assim não entender nada, ir pra casa só pra dormir e, no dia seguinte, repetir os mesmos passos do dia anterior.

Fico me perguntando o que aconteceria se eu abandonasse tudo isso e saísse pelo mundo afora fazendo o que eu bem entender, indo pra onde eu quiser e mudasse totalmente a minha vida. Será que eu seria mais feliz? Será que meus problemas iriam desaparecer? Será que valeria a pena? Ou essa é a vida que eu tenho que viver?

Meus pais sempre disseram que eu deveria me formar numa faculdade pra ter um bom emprego, casar, ter filhos, uma boa casa e viver em conforto. Eles fizeram isso. Mas fizeram há 40 anos atrás. Será que isso se aplica aos dias de hoje?

Por que eu tenho que seguir essas “regras da sociedade”? Vejo tanta gente infeliz em suas vidas por seguir esses padrões só porque acham que é o certo a se fazer. Mas o certo não seria vivermos felizes, em harmonia e paz? Por que então não somos todos felizes?

Por que viver num relacionamento infeliz? Daqueles onde não se consegue conversar para resolver um simples problema. Daqueles abusivos onde uma curtida no facebook é motivo para discussão e até agressão. Daqueles onde não se tem paz, alegria, amor, companheirismo e respeito. Onde só há brigas, desconfiança, agressões verbais e físicas, ciúme, possessividade e falta de respeito entre si.

Pra que viver assim?

Estamos aqui por instantes, a vida é passageira.

Uma hora vamos chegar ao fim.

E quando chegar lá pergunte-se: minha vida valeu a pena?

__________

 

Se identificou com o texto? Deixe um comentário pra eu saber que mais pessoas passaram ou passam por isso também

Leia mais textos como esse: AQUI

Curta a página no Facebook

Conheça o canal do YouTube

Me siga no Instagram e Twitter (me chame pra conversar também, respondo com o maior prazer)

Se você tem algum texto e gostaria que eu postasse aqui no blog é só mandar alguma mensagem em qualquer rede social ou pelo e-mail contato@letlive.blog.br

 

– LET LIVE –

A vida é a coisa mais preciosa que temos, parece até obvio. Mas do que faz sentido não viver uma vida da melhor maneira? “Viver é a coisa mais rara do mundo, a maioria das pessoas apenas existe”.

Permita-se viver a sua vida e escrever a sua história.

E eu estou aqui para deixar registrada a minha.

Comentários

← Previous post

Next post →

1 Comment

  1. Karine

    Adoro suas pastagem.
    Continue sempre partilhando com a gente..

    E pode ter certeza q partilho desse mesmo pensamento e sentimento q vc.

    Mas acredite q td vai dar certo..
    Creio q nosso tempo a d chegar

    Parabéns

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.